Nossos serviços
Entre em contato

Capitais e região metropolitana:
4007.2302

Demais cidades:
0800.002.2302

Whatsapp:
4007.2302


Av. Júlio de Castilhos, 44 - Térreo
Porto Alegre - RS - CEP 90030-130 | Como chegar

COPYRIGHT © 2020. Conheça nossa Política de Privacidade.

brivia

Ciep | 16 de junho de 2017
Carreira bem-sucedida
Planejamento e propósito são essenciais.
Copiar link
Carreira bem-sucedida

Especialista do Ibmec dá 10 dicas para quem deseja ser protagonista de sua história profissional.

A palavra protagonista surgiu no teatro da Grécia antiga para nominar o personagem central de uma narrativa.Mais do que simples participante do enredo, era um agente transformador de toda a trama, capaz de mudar a própria história. Os séculos se passaram, mas o conceito permaneceu, principalmente para quem quer deixar de ser um intérprete secundário na vida profissional e assumir o papel de destaque.

Segundo a gerente nacional de carreiras do Ibmec, Fernanda Schröder Gonçalves, para ser protagonista na carreira, é necessário fazer um planejamento com as seguintes considerações: onde estou, aonde quero chegar e o que fazer para concretizar a meta.

— Os protagonistas são pessoas que têm atitude para mudar algumas situações de incômodo. Eles não aceitam o papel de vítima e, ao invés de reclamar, assumem as rédeas de como agir para chegar a seus objetivos. A gestão da carreira é fundamental para ter essa visão macro do trajeto a ser seguido — afirma.

Fernanda pontua que um protagonista deve avaliar as suas próprias competências técnicas e de comportamento, englobando suas habilidades natas, os estágios realizados e os idiomas que domina. Tudo isso faz parte do autoconhecimento, que necessita ser constante e é imprescindível para se obter sucesso na carreira.

Educação

Ao conseguir algumas dessas respostas, o foco passa a ser no investimento em uma excelente educação e constante atualização. Os profissionais devem estar preparados para enfrentar os desafios do mundo globalizado.

Além de uma ou mais graduações, é importante investir na pós-graduação, MBA, cursos no Brasil e no exterior, estudo de uma nova língua. O ideal é buscar instituições de ensino que preparem os profissionais para desafios globais. Aliado a isso, acompanhar as movimentações do mercado é essencial.

Colaboração

O espírito de colaboração e integração é fundamental para um protagonista. O trabalho engajado possibilita uma melhora no ambiente corporativo e gera soluções criativas.

Instituições de ensino de vanguarda já têm a preocupação de formar profissionais engajados.

Em qualquer área ou profissão tais orientações são importantes para se obter uma trajetória de sucesso. Contudo, para aqueles que pretendem seguir o caminho do empreendedorismo ou ocupar altos cargos, elas são imprescindíveis.

— Para quem deseja empreender, o conhecimento de mercado é a chave do negócio, além das competências técnicas, de pessoas, financeira e de marketing. O empreendedor tem que usar todas essas ferramentas para calcular os riscos e tomar decisões — explica a consultora.

Outro detalhe é estar atento à evolução tecnológica. Relações se tornam cada vez mais digitais e remotas, com clientes internos e externos.

O futuro será colaborativo e integrado. E surgirão novas carreiras, principalmente nas áreas de tecnologia, engenharia, saúde, meio ambiente e estatística — aponta Fernanda. Já para quem almeja ser CEO ou presidente de uma empresa, a especialista do Ibmec acrescenta outras habilidades, como a gestão de pessoas e de conflitos; e destaca que nem tudo são flores quando se chega ao cargo, como alguns podem pensar. As exigências são realmente muito altas.

— O interessado tem que ter em mente que ser CEO da companhia não é só status. Ele tomará as decisões mais importantes e estratégicas da empresa e, às vezes, ficará muito sozinho. É um profissional que precisa dominar a parte técnica e comportamental com excelência, mas também ser bom na gestão de pessoas e saber administrar conflitos. Precisa ainda entender do mercado, conhecer os concorrentes, além da economia local e global.

Veja as 10 orientações para ser um protagonista na carreira:

1) Planejamento e propósito: avalie onde você está e decida aonde quer chegar;

2) Autoconhecimento: todo profissional tem seus pontos fortes e fracos. Buscando o autoconhecimento, ele poderá escolher a melhor maneira de ressaltar sua força e onde precisará se aperfeiçoar;

3) Formação acadêmica sólida e constante atualização: estude em uma faculdade com ensino de qualidade, que preze pela excelência. Faça cursos de Pós-Graduação, MBA e aprenda novos idiomas;

4) Vivência internacional: é extremamente válido não só pela prática de outros idiomas mas, sobretudo, pela aquisição de cultura geral e melhor compreensão da economia global;

5) Networking: muitas contratações são feitas por sugestão de pessoas do meio. Investir em uma sólida rede de relacionamentos profissionais é importante para se manter no jogo;

6) Conhecimento técnico e de mercado: para se destacar, é importante conhecer muito bem o que se faz. O profissional que está por dentro das notícias e tendências na sua área é muito bem visto dentro das empresas;

7) Colaboração e integração: integrar áreas e projetos através de mútua colaboração já deixou de ser tendência e é uma realidade. Quando todos trabalham juntos, todos ganham;

8) Adaptar-se às novas tecnologias: elas trazem novas formas de relação com os clientes, fornecedores, funcionários e até concorrentes. Esteja preparado para uma comunicação cada vez mais digital, colaborativa e remota;

9) Boa gestão de pessoas: pode ser desgastante, mas é importante saber lidar com os mais diferentes tipos de personalidade no ambiente de trabalho. Isso vale para uma boa convivência com colegas, clientes, chefes e subordinados;

10) Persistência: receios, medos, empecilhos e alguns “nãos” fazem parte de qualquer carreira. É preciso não desistir e continuar firme no objetivo proposto.

Fonte: O Globo 

Quero receber conteúdos voltados para:

Entre em contato através do WhatsApp

Entre em contato através do Messenger