Nossos serviços
Entre em contato

Capitais e região metropolitana:
4007.2302

Demais cidades:
0800.002.2302

Whatsapp:
4007.2302


Av. Júlio de Castilhos, 44 - Térreo
Porto Alegre - RS - CEP 90030-130 | Como chegar

COPYRIGHT © 2020. Conheça nossa Política de Privacidade.

brivia

Carreiras | 23 de agosto de 2017
Carreiras em crise
Entenda quais são os problemas e como se sair bem.
Copiar link
Carreiras em crise

Profissionais de Recursos Humanos apontam caminhos alternativos para profissões que não estão mais tão prósperas.

A tecnologia e a crise na economia brasileira têm derrubado, como uma fileira de dominós, a segurança de algumas carreiras que até bem pouco tempo eram apontadas como as mais prósperas no país. Do marketing à engenharia de produção, estudantes que recebem seus diplomas têm percebido que as atividades que sonhavam realizar quando entraram na faculdade podem ter mudado completamente.

– As posições não se extinguem, mas vão migrando para novas atividades – afirma Ério Nascimento, vice-presidente de Administração e Finanças da Associação Brasileira de Recursos Humanos no Estado (ABRH-RS).

Disposição

Rose Russowski, diretora da Lee Hecht Harrison na região Sul, afirma que novas tendências de consumo também abrem portas para profissionais de áreas tradicionais.

– Os profissionais do turismo, por exemplo, sofreram com a concorrência das agências virtuais, mas têm muitas oportunidades de serviços em atividades mais personalizadas – afirma.

Veja novas opções de atuação para algumas profissões: 

Novos Caminhos

Recrutadores de Talentos

Os profissionais de Recursos Humanos (RH) encarregados de iniciar processos seletivos têm sido ultrapassados pelo avanço das redes sociais profissionais, em particular o LinkedIn, que faz boa parte do trabalho sozinho. Em razão da crise econômica, a necessidade de abrir novos ciclos de contratação está minguando, o que afeta tanto o profissional interno de RH quanto prestador de serviços ou headhunter (especialistas que selecionam profissionais) externos.

Saídas

– Profissionais de RH que atuavam na área de seleção e captação de novos funcionários podem se voltar a tarefas que olhem para dentro do ambiente de trabalho, como desenvolvimento de políticas de retenção dos talentos e ações que melhorem a produtividade das equipes.

– Os profissionais de headhunter podem ser requisitados para ajudar as empresas a compreenderem, dentro de seus quadros, onde estão os principais talentos e ajudá-las a aproveitar melhor seus recursos humanos.

Sugestão para capacitação

Curso de RH Estratégico e Motivação de Pessoas

Onde: na sede da ABRH, Av. Ipiranga, 5311 (Porto Alegre)

Quando: dias 9, 10 e 11 de maio

Quanto: R$ 694 (para não-sócios)

Mais informações: http://www.abrhrs.org.br/curso/rh-estrategico-e-a-motivacao-de-pessoas

Turismólogo e Agente de Viagem

Está em baixa em razão das altas do dólar e do euro, o que inibe viagens internacionais, e também da propagação de agências virtuais que comparam preços e fazem reservas automaticamente.

Saídas

– Apostar no setor de experiências ou na segmentação (como turismo religioso ou de idosos), que são setores nos quais os clientes procuram ajuda nas agências especializadas.

– Há um movimento crescente de clientes que voltam a procurar as agências também para montar pacotes personalizados, com algum nível de complexidade que os sites não conseguem oferecer ou em que há risco elevado de dar errado, como destinos exóticos (como Sudeste Asiático ou Leste Europeu). Nesses casos, a experiência do agente é fundamental.

– Outro segmento em ascensão é intercâmbio para profissionais já inseridos no mercado de trabalho, que precisam viajar para treinar seu idioma ou aprender sobre gestão em uma universidade estrangeira, por exemplo.

Sugestão para capacitação

Curso sobre a Rússia: Tradição e Cultura

Onde: na PUC-RS, no prédio 5, sala 504

Quando: De 22 de maio a 26 de maio

Quanto: R$ 216 para público geral

Mais informações: http://educon.pucrs.br/cursos/russia-tradicao-e-cultura/

Sociólogos e Antropólogos

Com a diminuição de fontes públicas de financiamento à pesquisa, os setores ficaram sem uma importante fonte de receita. Em empresas, como funcionários, as oportunidades também são escassas.

Saída

– Prestar consultorias, oferecer palestras e oficinas a grupos empresariais _ campo que já tem sido bem explorado por filósofos, por exemplo. Muitas companhias têm buscado profissionais da área das Humanas para palestras motivacionais, no lugar das velhas palestras de vendas. A lógica é criar uma sensação de identidade nas equipes para que trabalhem melhor em conjunto.

– O avanço das tecnologias possibilita que se dê mais cursos à distância, o que abre um campo a ser explorado para mestres e doutores oferecerem especialização e extensão para estudantes de ciências sociais a um custo mais acessível.

Sugestão para capacitação

Curso de dicção, oratória e desinibição da Falando Bem

Onde: Avenida Getúlio Vargas, 1.157, Porto Alegre

Quando: dias 6 e 7 de maio

Quanto: R$ 600

Mais informações:http://www.falandobem.com.br/agenda.php?id=46

Marketing e Publicidade

Tornou-se mais rara a contratação desses profissionais por carteira assinada, com trabalho em tempo integral. Os trabalhos nas agências também ficaram mais escassos em razão da crise econômica. Muitas empresas procuram profissional freelancer para executar trabalhos pontuais, em vez de contratar equipes inteiras.

Saídas

– As empresas passaram a visar resultados de curto prazo e, em muitos casos, buscar profissionais capacitados para tocar as campanhas de divulgação isoladamente, promovendo ações de divulgação adequadas para cada lançamento ou inauguração de novas lojas.

– É preciso ampliar o leque de contatos e se aproximar de empresas de diferentes segmentos, mesmo que não seja o que se está mais acostumado a trabalhar.

– Assumir papel de empreendedor e sair à caça de clientes para trabalhos, elaborando portfólio convincente e se capacitando para atuar nos mais diferentes segmentos são caminhos sem volta.

Sugestão para capacitação

Curso de Criação de Portfólios em WordPress

Onde: PUC-RS, prédio 8, Sala 509.04

Quando: de 5 a 8 de junho.

Quanto: R$ 540 para público geral

Mais informações: http://educon.pucrs.br/cursos/criacao-de-portfolios-em-wordpress/

Curso de Planejamento Estratégico em Comunicação

Onde: sede da ADVB, Edvaldo Pereira Paiva, 1.000

Quando: de 4 a 26 de julho

Quanto: R$ 2.450 (não associados)

Mais informações:http://www.advb.com.br/site/curso/programa-de-extensao-planejamento-estrategico-de-comunicacao/

Jornalismo

Em crise em razão das novas tecnologias e da perda de receita em muitas empresas de mídia. O campo de trabalho ficou mais restrito também em razão da concorrência com blogueiros e vlogueiros.

Saída

– Há espaço para jornalistas que saibam produzir conteúdo adequado para ser compartilhado em redes sociais e consumido em smartphones e tablets _ seja conteúdo patrocinado ou reportagens independentes. Nesses casos, dominar as tecnologias de voz e vídeo amplia a possibilidade de explorar da melhor forma o conteúdo.

– Pequenas empresas de produção de reportagens têm sido cada vez mais subcontratadas por grandes jornais e revistas para ajudar na produção de conteúdo.

– Há sites de financiamento coletivo como o Medium, que possibilita que jornalistas lancem suas ideias e captem o dinheiro necessário para sua apuração.

Sugestão para capacitação

Pós em Criação e Produção de Conteúdos Digitais

Onde: Campus Fapa da Uniritter

Quando: a partir de 29 de abril, com carga horária de 360 horas

Quanto: 24 x R$ 434

Mais informações: https://www.uniritter.edu.br/especializacao-mba/criacao-e-producao-de-conteudos-digitais

Formação em social media: conteúdo, métrica e campanhas

Onde: PUC-RS, Prédio 7

Quando: dias 5 e 6 de maio

Quanto: R$ 375 para público geral

Mais informações: http://educon.pucrs.br/cursos/formacao-em-social-media-conteudo-metrica-e-campanhas/

Arquitetos e Decoradores

A perda de renda da população e o desemprego inibem a contratação de projetos de arquitetura por famílias e empresas, já que rarearam as inaugurações de novas lojas. A pausa no setor da construção civil também restringe o mercado.

Saídas

– Um segmento que cresce é o de consultorias direto aos clientes por intermédio de lojas de móveis, eletrodomésticos, tapeçarias, entre outros. Nesses casos, o arquiteto é acionado para ajudar na escolha dos móveis e na disposição da nova mobília.

– Para empresas, há o caminho da segmentação, atendendo necessidades específicas de montagem de adegas ou estufas, por exemplo.

– Outro meio que abre possibilidades é o de decoração de franquias, cujas inaugurações continuam aceleradas no país, mesmo com a crise. O caminho é contatar as principais franqueadoras em fase de expansão e negociar parcerias.

Sugestão para capacitação

Extensão em Arquitetura e Construção de Adegas

Onde: sede da Unisinos em Bento Gonçalves (Rua Treze de Maio, 675, segundo andar)

Quando: de 9 a 11 de junho

Quanto: R$ 645 para público geral

Mais informações: http://www.unisinos.br/cursos-de-extensao/arquitetura-construcao-de-adegas-ex120235/25904

Engenharia de Produção

Com o avanço da mecanização e a estagnação das indústrias, as vagas ficaram concentradas. Cargos mais específicos que, antes, contavam com um profissional exclusivo, foram jogados sob um guarda-chuva mais abrangente, onde um gerente cuida de várias áreas.

Saídas

– É próspero o movimento de contratação de engenheiros para outras áreas das empresas, como setores de vendas, logística e até recursos humanos. A lógica é que as companhias buscam profissionais com facilidade de organizar processos e metas. É fundamental ter conhecimentos de gestão.

– Se a indústria anda fraca, o campo continua forte no país e se modernizando mais. Analistas de Recursos Humanos indicam que poderá haver uma necessidade de especialistas em organizar projetos e processos para elaborar melhoras na produtividade de lavouras e na instalação de silos e centros logísticos agrícolas.

Sugestão para capacitação

Curso de gerenciamento e inglês para engenheiros

Onde: Prédio 15 da PUC-RS

Quando: Dia 17 de julho

Quanto: R$ 449 para público geral

Mais informações: http://educon.pucrs.br/cursos/management-english-business-engineering/

Programa de liderança em alta performance

Onde: Sede da ADVB, Edvaldo Pereira Paiva, número 1.000

Quando: de 20 de junho a 17 de julho

Quanto: R$ 2.450 para o público geral

Mais informações:http://www.advb.com.br/site/curso/programa-de-lideranca-em-alta-performance/

Professores Universitários

Com a propagação dos cursos à distância, em que um número ilimitado de alunos podem assistir a uma mesma aula, restringiram-se às vagas para professores universitários de graduação e pós-graduação.

Saídas

– Dominar as ferramentas de redes sociais e saber utilizá-las tanto nas aulas à distância quanto na prospecção de alunos para cursos de curta duração é um caminho para ampliar a renda.

– Faculdades menores estão em plena expansão, em razão da abertura de capital de novas empresas que agora engrenam uma fase de crescimento, o que pode servir de alternativa a quem se acostumou a buscar oportunidades apenas nas instituições mais tradicionais.

– Organização de aulas particulares para alunos ou grupos que vão prestar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Sugestão para capacitação

Especialização em Educação à Distância

Onde: será por EAD

Quando: de 25 de maio de 2017 a 22 de abril de 2018

Quanto: 19 x de R$ 300 para público geral

Mais informações: http://educon.pucrs.br/cursos/educacao-a-distancia-com-enfase-na-docencia-e-na-tutoria-em-ead/

Secretárias Executivas

Com celulares em mãos, executivos resolvem praticamente todo serviço que antes dependiam de uma secretária. Uma assistente que atendia um gerente até pouco tempo passou a ser compartilhada por quatro ou cinco executivos.

Saídas

– Pode estar em se tornar um braço direito da tecnologia, ajudando executivos a editar apresentações e usar as redes sociais, além de assessorar a empresa na busca por políticas ligadas a seu planejamento estratégico.

– Em muitas empresas, secretárias executivas se tornaram guardiãs das políticas de RH e das estratégias de longo prazo, atuando mais como secretárias de setores inteiros do que propriamente de executivos.

– Analistas também apontam oportunidades para secretárias darem cursos de organização pessoal e gerenciamento de tempo, aproveitando todo seu conhecimento para repassar a executivos cada vez mais sedentos por treinamentos personalizados.

Sugestão para capacitação

Curso de Planejamento Estratégico

Onde: por EAD, em plataforma do Senac-RS

Quando: o aluno deverá concluir o curso no prazo de até 40 dias após a matrícula

Quanto: R$ 95

Mais informações: http://www.ead.senac.br/cursos-livres/planejamento-estrategico/

Analista de Finanças e Administrador

Cargos em que a disputa ficou muito mais acirrada nos últimos anos, com o enxugamento das estruturas administrativas das empresas. O que antes era responsabilidade de três pessoas, hoje costuma ser de uma.

Saídas

– Está na especialização, ou seja, tornar-se especialista em alguma subárea do setor financeiro, como redução de custos, investimentos corporativos ou gestão tributária. Uma área em ascensão é a de relacionamento com investidores e elaboração de balanços e relatórios financeiros. Isso porque o mercado de capitais voltou a se aquecer, e muitas empresas voltaram a planejar abrir ações na bolsa, o que demanda apoio de analistas financeiros.

– Outro campo em expansão é o de consultor financeiro pessoal, ajudando clientes a buscarem os melhores investimentos, comprarem moeda estrangeira ou dando apoio na redução dos desperdícios em seus orçamentos.

Sugestão para capacitação

MBA em gestão estratégica em tributos

Onde: Campus Centro da Fadergs

Quando: a partir de 29 de abril, 360 horas-aula

Quanto: 24 x de R$ 489

Mais informações: https://www.fadergs.edu.br/pos-graduacao/mba-em-gestao-estrategica-de-tributos-e-planejamento-tributario

Especialização em Perícia Econômico-Financeira

Onde: Escola de Negócios da PUC-RS

Quando: de 13 de maio de 2017 a 21 de julho de 2018

Quanto: 19 x de R$ 957

Mais informações: http://educon.pucrs.br/cursos/pericia-economico-financeira-1a-edicao/

De acordo com Emerson Weslei Dias, coach, consultor de carreira e diretor de Liderança e Gestão de Pessoas da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), a tecnologia tem modificado drasticamente o mercado de trabalho, o que obriga os profissionais a buscarem constantemente conhecimentos novos que tenham (ou não) relação com seu setor de atuação.

Essa perenidade de profissionais com formação específica em diferentes áreas de uma empresa também exige dos trabalhadores conhecimentos de gestão. Ainda é preciso flexibilidade para lidar com mudanças, saber trabalhar em equipe e, principalmente, ter disposição para aprender e se reciclar de forma muito rápida, afirma Emerson.

Fonte: ZH – ClicRBS

Quero receber conteúdos voltados para:

Entre em contato através do WhatsApp

Entre em contato através do Messenger