Nossos serviços
Entre em contato

Capitais e região metropolitana:
4007.2302

Demais cidades:
0800.002.2302

Whatsapp:
4007.2302


Av. Júlio de Castilhos, 44 - Térreo
Porto Alegre - RS - CEP 90030-130 | Como chegar

COPYRIGHT © 2020. Conheça nossa Política de Privacidade.

brivia

Ciep | 31 de julho de 2018
Os destinos de estudo com preços de aluguéis mais caros e mais baratos do mundo
Dados resultam de pesquisa realizada com mais de 12 mil estudantes e traz informações de mais de 125 cidades.
Copiar link
Os destinos de estudo com preços de aluguéis mais caros e mais baratos do mundo

Com a intensificação da competição entre os países para atrair estudantes internacionais, os custos de vida acessíveis estão se tornando cada vez mais o centro das atenções entre os destinos de estudo mais procurados no exterior, tanto os já populares quanto os emergentes.

Uma recente pesquisa feita pelo site Student.com listou os custos de vida mais altos e os mais baixos dos principais destinos de estudantes internacionais pelo mundo, e identificou que grandes cidades dos Estados Unidos e Reino Unido continuam entre as mais caras do mundo para se viver.

Os resultados da pesquisa “Cidades em Foco: Indicador de Acomodação Estudantil Global de 2018” foram baseados na participação de mais de 12.000 estudantes que utilizaram os serviços do Student.com para reservar acomodações no exterior entre o período de 1º de novembro de 2016 e 31 de outubro de 2017. A lista conta com dados de mais de 125 cidades mundiais de países como Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Austrália, Irlanda, Alemanha, Espanha, França, Singapura e África do Sul.

Custo de vida significa a soma dos bens e serviços necessários ao cidadão para a sua vida cotidiana em uma região ou cidade. Nele se inclui o preço da alimentação, vestuário, transporte, educação, contas mensais (como água, eletricidade e internet), lazer, entre outros. O custo de vida de uma pessoa é intrinsecamente ligado aos valores desses bens e serviços – quanto mais caros forem, mais a pessoa gastará para se manter naquela localização.

A pesquisa do Student.com focou-se no preço das acomodações e descobriu que a média semanal gasta em aluguel em 2017 foi de US$ 214, um valor levemente menor do que o de 2016. Esta pequena queda não significa que o valor das acomodações estudantis diminuiu, mas sim que a oferta de destinos aumentou, inclusive alguns com aluguéis mais baratos, como a Espanha, África do Sul e Singapura e até mesmo cidades menores e menos populares dos EUA.

Uma comparação ano a ano do preço do aluguel em grandes cidades universitárias – inclusive Nova York, Boston e Londres – mostra que a média se manteve relativamente estável entre 2016 e 2017 e até mesmo que os estudantes estão conseguindo encontrar opções levemente mais baratas.

As 10 cidades com os aluguéis mais caros do mundo:

Cidade País Média de aluguel semanal

(em dólares)

1 Boston Estados Unidos 464
2 Nova York Estados Unidos 402
3 Londres Reino Unido 339
4 Sydney Austrália 305
5 Seattle Estados Unidos 281
6 Providence Estados Unidos 278
7 San Diego Estados Unidos 275
8 Oxford Reino Unido 271
9 Dublin Irlanda 269
10

=

Cambridge Reino Unido 257
10

=

Los Angeles Estados Unidos 257

As 10 cidades com os aluguéis mais baratos do mundo:

Cidade País Média de aluguel semanal

(em dólares)

 1 Albacete Espanha 60
2 Joanesburgo África do Sul 76
3 Singapura Singapura 94
4 Murcia Espanha 96
5 Granada Espanha 101
6 Tallahassee Estados Unidos 109
7 Atenas (GA) Estados Unidos 110
8

=

Columbia (MO) Estados Unidos 111
8

=

Alcalá de Henares Espanha 111
9 Derby Reino Unido 115

Veja a pesquisa completa aqui.

Um site muito bom para pesquisar o custo de vida em inúmeras cidades do mundo é o Numbeo. Nele, você pode verificar o preço do aluguel de imóveis no centro da cidade ou nos subúrbios, assim como alimentação, vestuário, transporte e outros itens. Também é possível comparar o custo de vida entre cidades. A média dos valores é uma compilação de informações dadas pelos próprios moradores.

Fonte/Link: Brasil Escola

Quero receber conteúdos voltados para:

Entre em contato através do WhatsApp

Entre em contato através do Messenger