Nossos serviços
Entre em contato

Capitais e região metropolitana:
4007.2302

Demais cidades:
0800.002.2302

Whatsapp:
(51) 989.590.959


Av. Júlio de Castilhos, 44 - Térreo
Porto Alegre - RS - CEP 90030-130 | Como chegar

COPYRIGHT © 2019. Conheça nossa Política de Privacidade.

brivia

Educação | 11 de abril de 2019
ABL debate a educação no Brasil dos dias de hoje
Copiar link
ABL debate a educação no Brasil dos dias de hoje

O atual panorama da educação no Brasil será o tema do ciclo de conferências do mês de abril da Academia Brasileira de Letras (ABL). O evento “A educação no Brasil de hoje” abordará os desafios das universidades, do ensino médio e do ensino a distância – modelo que vem crescendo nos últimos anos. Na palestra de abertura, hoje, às 17h30m, na ABL, com entrada franca, o educador Carlos Alberto Serpa, presidente da Fundação Cesgranrio, abordará o tema “Análise crítica do ensino superior brasileiro”.

Em sua participação, o professor vai passar por temas como a modernização da estrutura curricular e a introdução de novas tecnologias no processo de aprendizado, além de financiamento e avaliação dos cursos universitários. Segundo Serpa, apesar de a área que mais necessita de atenção ser a educação básica, pensar o ensino superior é essencial, pois é onde os futuros professores serão formados.

– Costumo dizer que não há cultura sem educação e educação sem cultura. Assim, a ABL é um locus importante para iniciar esse debate. Acabamos de mudar o ministro da Educação após cem dias que fizeram crescer os problemas – diz Serpa.

O ciclo terá mais duas conferências, sempre às quintas-feiras, no mesmo local e horário: “Perspectivas do ensino médio brasileiro”, tendo como palestrante o cientista Simon Schwartzman; e “Os desafios da educação a distância” com o professor e reitor na UniCarioca Celso Niskier. A acadêmica e escritora Ana Maria Machado é a coordenadora-geral das conferências de 2019, e o ciclo “A educação no Brasil de hoje” tem o comando do acadêmico e professor Arnaldo Niskier.

– É fundamental a academia mostrar sua preocupação com o futuro da educação no país. Nós, como uma entidade cultural, não podemos estar fora desse debate de interesse público. Discutir os grandes problemas nacionais é uma forma de a ABL dar sua contribuição e cumprir seu papel – afirma Arnaldo Niskier.

Políticas Públicas

Ele enfatizou ainda que os palestrantes possuem “liberdade de cátedra” e irão abordar as temáticas de acordo com suas visões sobre os problemas colocados. Porém, segundo o acadêmico, o desafio da gestão pública da educação deverá aparecer como uma questão comum entre os palestrantes.

– Estamos carecendo de uma ação mais eficaz e vigorosa no âmbito das políticas públicas, para que os grandes problemas possam ser superados – diz Niskier – Este é o maior desafio da educação no Brasil.

Fonte: O Globo

Quero receber conteúdos voltados para:

Entre em contato através do WhatsApp

Entre em contato através do Messenger