Nossos serviços
Entre em contato

Capitais e região metropolitana:
4007.2302

Demais cidades:
0800.002.2302

Whatsapp:
4007.2302


Av. Júlio de Castilhos, 44 - Térreo
Porto Alegre - RS - CEP 90030-130 | Como chegar

COPYRIGHT © 2021. Conheça nossa Política de Privacidade.

brivia

Educação | 16 de março de 2020
Aos 62 anos, dona Griseldes voltou para a faculdade
Copiar link
Aos 62 anos, dona Griseldes voltou para a faculdade

Sempre ouvimos a frase nunca é tarde para buscar os seus sonhos , mas quantas vezes a colocamos em prática? Quantas vezes recomeçamos? Para Griseles Elisabet Edit Vieira, 67 anos, a vida é um eterno recomeço e foi aos 62 anos que ela deu início ao recomeço mais importante de sua vida.

A depressão alcança a terceira idade, porque as pessoas deixam seus sonhos adormecidos, esquecem de focar suas vidas em si mesmos e passam a viver só para os filhos e filhos são para o mundo, ganham asas e vão viver suas vidas. Então, os idosos começam a só esperar os anos passar e envelhecer. Quando meu último filho saiu de casa, fiquei louca para começar uma vida nova e fui atrás de um antigo sonho: cursar e me formar na faculdade , conta a Griseldes.

Em 2014, Griseldes que atuava como cabeleireira, mesmo sem acreditar se inscreveu no vestibular da Feevale e para sua surpresa, mesmo após 30 anos sem estudar passou e em 2015 deu início ao curso de Artes Visuais.

Eu estudei enfermagem em outra universidade quando tinha meus 30 e poucos anos, mas o nascimento da minha filha fez com que eu abandonasse os estudos. Afinal, saia de casa às 4h45 da madrugada e retornava a meia-noite. Mas com o tempo fui descobrindo minha verdadeira paixão, que é a arte, fiz diversos cursos e um dia percebi que já não era mais o suficiente, precisava aprender mais e isso só uma graduação me daria , diz a mãe de três filhos.

Busca por mais

E quem pensa que a avó de três netos está pensando em parar de estudar após a formação na graduação, se engana.

Para Griseldes o convívio com os jovens também é revigorante. Aprendo com eles e eles comigo. Eu era totalmente analógica e agora já faço até aulas Ead , completa a estudante.

Fonte: Correio de Gravatai

Quero receber conteúdos voltados para:

Entre em contato através do WhatsApp

Entre em contato através do Messenger