Nossos serviços
Entre em contato

Capitais e região metropolitana:
4007.2302

Demais cidades:
0800.002.2302

Whatsapp:
4007.2302


Av. Júlio de Castilhos, 44 - Térreo
Porto Alegre - RS - CEP 90030-130 | Como chegar

COPYRIGHT © 2020. Conheça nossa Política de Privacidade.

brivia

Educação | 16 de outubro de 2020
Professores celebram seu dia e exaltam a superação diante da pandemia
Copiar link
Professores celebram seu dia e exaltam a superação diante da pandemia

Profissionais têm vivido um ano atípico, mas sempre com amor ao ensino e aos alunos

A cada ano, o Dia do Professor, celebrado em 15 de outubro, se torna um momento de reflexão sobre a valorização desta categoria e de seus desafios. Em 2020, ano em que a pandemia da Covid-19 mudou a forma como todos se relacionam em sociedade, os profissionais tiveram de se adaptar a um novo formato, com aulas remotas e relacionamento virtual com seus alunos. Diante de uma nova rotina, Gilda Gonçalves de Sá, Fabiane Maria Ferreira e Diego Castro avaliam o trabalho feito até o momento e exaltam o amor à profissão. Professora dos ensinos fundamental e médio, Fabiane Maria Ferreira pondera que 2020 tem sido um ano diferente, devido à virtualização de todas as práticas educativas em relação à educação tradicional. Mas diz que este ano trouxe também para as redes de ensino, pública e particular, a necessidade de alinhar professor, escola e aluno.”Porque até então tínhamos a escola do século XIX, o professor do século XX e o aluno do século XXI. Trazer a tecnologia para a sala de aula diminuiu a dicotomia nesses contextos. Além disso, escancarou para nós, os professores, que somos imprescindíveis na formação do cidadão, porque muitos de nossos alunos não têm acesso à tecnologia de internet. Escancarou para todos a necessidade de não só melhoramos nossas práticas, nossa atuação social enquanto educadores, mas de lutarmos para uma igualdade de direitos econômicos e tecnológicos”, avaliou.Ela acredita que ser um “professor virtual” e usar a tecnologia a favor da educação é um caminho sem volta. Para a educadora, o século XXI traz a necessidade de criar e ajudar a formar cidadãos que tenham autonomia. Seu sonho para a educação é tornar os alunos mais autônomos, para que não dependam nem do professor ou da aula para aprender.

“Fazendo uma alusão aos pilares da educação da Unesco, e se todos nós educadores tivermos esses pilares como premissas da nossa prática, a educação vai dar um salto de melhoria. Nessa fase de virtualização, meu olhar para o aluno se tornou muito mais dinâmico. Não mensurava horas para criar estratégias, metodologias, de forma a tornar as aulas mais interessantes. Olhando para os meus colegas professores, criei uma página no Instagram para divulgar um pouco do meu conhecimento em relação a metodologias, ideias e compartilhamentos de novas práticas surgidas agora no distanciamento social”, salienta.

Desafio emocional Gilda Gonçalves de Sá, que trabalha com alunos do ensino infantil, frisa que o ano de 2020, após o surgimento do coronavírus, está sendo diferente de tudo o que vivera até então como professora, assim como tem sido para seus alunos. Vários desafios surgiram, porém, em sua opinião, o maior deles tem sido o emocional. “O isolamento nos trouxe a privação de vivermos uns com os outros e, por ter ocorrido tão repentinamente, isso nos abalou. Não estávamos preparados e, diante de tudo, tivemos que nos adaptar para tentarmos vencer este momento da melhor forma possível”.

Ser uma professor virtual foi uma grande novidade para Gilda. “A principio, foi muito desafiador, mas juntamente com toda a equipe, as barreiras estão sendo superadas e acredito que poderá ser um caminho que irá aprimorar o trabalho do profissional de educação. Poderá ser também uma ferramenta, um suporte para melhorar a qualidade de ensino dos educandos. Nesta fase estou utilizando o método de gravação de aulas, por meio de vídeos feitos pelo celular, e enviado aos pais pelos grupos, via aplicativo de conversa”, revela.

A mensagem que Gilda deixa para alunos e colegas de profissão “é que juntos somos mais fortes, e mesmo passando por momentos difíceis, as vitórias serão alcançadas. Quero dizer também que estou com saudade de todos, e não vejo a hora de poder voltar ao normal. Parabéns a todos os alunos que estão, junto com seus familiares, buscando o conhecimento. Desejo um feliz Dia do Professor para todos que desempenham esta função, que é tão nobre e enriquecedora em nossas vidas”, acredita.

Fonte: Diário do Aço

Quero receber conteúdos voltados para:

Entre em contato através do WhatsApp

Entre em contato através do Messenger