Nossos serviços
Entre em contato

Capitais e região metropolitana:
4007.2302

Demais cidades:
0800.002.2302

Whatsapp:
4007.2302


Av. Júlio de Castilhos, 44 - Térreo
Porto Alegre - RS - CEP 90030-130 | Como chegar

COPYRIGHT © 2022. Conheça nossa Política de Privacidade.

brivia

Educação | 18 de maio de 2022
Educação empreendedora tem aumento de demanda no país
Copiar link
Educação empreendedora tem aumento de demanda no país

O cenário socioeconômico brasileiro necessita da educação empreendedora para sustentar um desenvolvimento saudável e sustentável. Segundo a última edição da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), o número de pessoas que começam a empreender por necessidade saltou de 37,5% para 50,4% em 2020. Buscando promover a prosperidade através da inovação, a Semente Negócios, empresa de educação empreendedora, desenvolve e executa projetos e parcerias para transformar este contexto e em 2021 alcançou mais de 2900 pessoas em 57 projetos desenvolvidos em todo o país.

Outro dado, desta vez da Receita Federal, mostra que foram criados 2,1 milhões de pequenos negócios apenas nos seis primeiros meses de 2021, 35% a mais do que o registrado no mesmo período do ano anterior.

“Quando analisamos este cenário com a informação que o Brasil está entre os 10 países mais desiguais do mundo pelo Índice de Gini e que a pesquisa PNAD Contínua mostra que pelo menos 40 milhões não tinham acesso à internet em 2019, enquanto somavam-se 11 milhões de analfabetos com 15 anos ou mais de idade, entendemos que precisamos fornecer uma educação empreendedora para essas pessoas que não tiveram acesso anteriormente a um ensino formal, para permitir que elas possam transpor algumas das barreiras que encontraram durante a vida”, comenta Marcio Jappe, CEO da Semente Negócios.

Com o propósito de trabalhar a inovação como uma ferramenta de valorização da vida e geração de prosperidade, um exemplo de programa com intenção de mudança social é o Projeto Horizonte. Uma iniciativa Vale com execução da Semente, o objetivo é estimular a criação e desenvolvimento de negócios inovadores, nos territórios de Minas Gerais, evacuados preventivamente devido à elevação do nível de barragens.

São as comunidades de Macacos (Nova Lima), Itabirito, Barão de Cocais, Santa Bárbara, Antônio Pereira e Engenheiro Correia. O Projeto Horizonte se estende até o final de 2022 e tem como foco estimular os moradores a desenvolverem soluções inovadoras para resolver os desafios socioambientais identificados em seus territórios, contribuindo para geração de renda, emprego e diversificação socioeconômica dos municípios. Com isso, podem promover uma mudança positiva em suas realidades.

FONTE: Terra

Quero receber conteúdos voltados para:

Entre em contato através do WhatsApp

Entre em contato através do Messenger